Ultimas


18/01/2024

MILITARES DO EXÉRCITO SÃO PRESOS EM OPERAÇÃO CONTRA O COMÉRCIO ILEGAL DE ARMAS NO MARANHÃO

A Polícia Civil do Maranhão deflagrou a Operação Orlov, desarticulando uma associação criminosa responsável pelo comércio ilegal de armas de fogo no estado, nesta quinta-feira, 18.

A investigação, liderada pelo Departamento de Combate ao Crime Organizado, identificou dois militares do Exército Brasileiro envolvidos no esquema, que adquiriram armas legalmente e as repassavam a possíveis laranjas para venda no comércio ilegal.

A ação resultou na prisão de cinco pessoas, incluindo os militares, em São Luís e Fortaleza, além da prisão flagrante de um advogado no Parque Timbiras, portando duas armas irregulares provavelmente ligadas ao esquema.

No total, 27 mandados de busca foram cumpridos em São Luís, Imperatriz, Barreirinhas, Lago da Pedra, Humberto de Campos, Ribeirão Preto (SP), Fortaleza (CE) e Parauapebas (BA), resultando na apreensão de 14 armas de fogo, provas documentais, celulares e 545 munições.


O esquema foi descoberto a partir da prisão em flagrante de um participante em abril de 2023, portando uma pistola Glock registrada em nome de um laranja, em São Paulo.

A linha de investigação se intensificou após a apreensão de uma pistola Glock, em um veículo Audi azul, durante uma operação policial no Renascença.

O Exército Brasileiro, por meio do Comando Militar do Norte e da 8ª Região Militar, colaborou com as investigações desde o início.

A Operação Orlov contou com o apoio operacional de várias unidades policiais, incluindo SENARC, SPCC, SPCI, SHPP e SECCOR, além das Polícias Civil dos Estados do Ceará e São Paulo. O nome “Orlov” faz referência ao filme “Senhor das Armas”.


JORNALISTA JOSINALDO SOARES
REGISTRO:0001662/MA 
FONTE:GILBERTO LIMA 

Postar um comentário

 
Copyright © 2023 Blog da Mucambo